Blog editado a partir de Natal/RN - Brasil.

Publicidade
Instagram
Twitter
Publicidade
Buscar
Calendário
junho 2017
S T Q Q S S D
« maio   jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
Publicidade
Publicidade

Archive for junho 3rd, 2017

Partage Norte Shopping recebe exposição “Mães do Juvino”

Em continuação às ações itinerantes da “Mães do Juvino”, o Partage Norte Shopping sediará a exposição, durante o mês de junho. A mostra fotográfica faz uma homenagem às mães do Instituto Juvino Barreto, com assinatura do jornalista e repórter fotográfico Elias Medeiros. O evento estará aberto à visitação no 1º piso do empreendimento, próximo a LG, das 10h às 22h.

Para esta etapa, a campanha é para arrecadar lençóis, fronhas e travesseiros para a enfermaria do abrigo. Além disso, também podem ser doados itens de higiene pessoal e alimentação.

Para o autor, que tem um trabalho permanente em benefício do abrigo, através de diversas ações ao longo do ano, a realização da mostra é uma forma de sensibilizar as pessoas para a situação do Juvino Barreto, que necessita de auxílio constante. “Minha ideia é criar e fortalecer uma corrente do bem, chamando a atenção das pessoas para as necessidades dos idosos”, afirmou Elias.

Durante o lançamento haverá apresentação do músico, contador de histórias e dramaturgo Paulo Araújo, que integra a companhia de teatro Contos e Encantos. Do Partage Norte Shopping, a mostra seguirá para o espaço cultural da Justiça Federal, o Fórum Miguel Seabra Fagundes, a UFRN e o colégio CEI da Romualdo Galvão, em todos estes lugares haverá uma campanha para arrecadar ajuda para o abrigo.

 

Serviço:

Mostra Fotográfica “Mães do Juvino”

Data: 02 a 30 de junho de 2017;

Entrada: Gratuita;

Local: Piso L1 do Partage Norte Shopping Natal, próximo à LG;

Endereço: Avenida Doutor João Medeiros Filho, 2395 – Potengi;

Horário: 10h às 22h;

TCE encerra série de encontros regionais em Parnamirim

????????????????????????????????????

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) realizará, nos dias 07 e 08 de junho, a última edição do 3° Encontro Regional de orientação aos gestores públicos municipais. O evento acontecerá no Teatro Municipal de Parnamirim e deverá receber 500 participantes. As inscrições podem ser feitas através do link: http://www.tce.rn.gov.br/EscolaContas/Inscricoes .

A edição irá reunir gestores públicos dos pólos Natal e Parnamirim, num total de 68 municípios da Região Metropolitana de Natal e regiões vizinhas. São oferecidas 3 vagas para cada prefeitura e 3 vagas para cada câmara municipal. O público alvo, além de prefeitos e presidentes de câmaras municipais, são assessores técnicos, principalmente aqueles que atuam na área financeira e controle interno. O tema do encontro será “Início de mandato: orientação aos gestores de prefeituras e câmaras municipais”.

O prefeito Rosano Taveira falou da importância de aproximação da gestão municipal dos órgãos de controle. “É muita satisfação para Parnamirim sediar esse encontro. Estamos trazendo os órgãos de controle aqui para dentro e acreditamos que esse é o caminho“, destacou Rosano Taveira.

Durante a 3ª Edição, a Escola de Contas levou orientações aos gestores de todos os 167 municípios do Estado, dividido em quatro polos. Antes dos polos de Natal e Parnamirim, foram realizados encontros em Mossoró, Martins e Caicó, com a presença de 500 gestores, entre prefeitos, vereadores, presidentes de câmaras e assessores.

Iniciado em 2015, em parceria com a Federação dos Municípios do RN (Femurn) e Federação das Câmaras Municipais do RN (Fecam), o projeto de encontros regionais, também chamado de ‘Escola Itinerante’, tem como principal prevenir a ocorrência de desvios e irregularidades, principalmente aqueles ocasionados pela falta de informação adequada. São discutidos temas como planejamento e orçamento municipal, Lei de Acesso à Informação e Portal da Transparência, funcionamento do sistema SIAI, execução da despesa pública, entre outros.

 

Municípios

A lista de municípios contemplada nesta edição é a seguinte: no polo Parnamirim, Arês, Parnamirim, Baia Formosa, Passagem, Brejinho, Pedra Grande, Caiçara do Norte, Pedro Velho, Canguaretama, Pureza, Ceará Mirim, Rio do Fogo, Espírito Santo, São Bento do Norte, Extremoz, São Gonçalo do Amarante, Galinhos, São José do Mipibu, Goianinha, São Miguel do Gostoso, Jundiá, Senador Georgino Avelino, Lagoa de Pedras, Taipu, Macaíba, Tibau do Sul, Maxaranguape, Touros, Montanhas, Várzea, Monte Alegre, Vera Cruz,Vila Flor e Nísia Floresta; no polo Natal, Barcelona, Pedra Preta, Bento Fernandes, Pedro Avelino, Boa Saúde, Poço Branco, Bom Jesus, Riachuelo, Caiçara do Rio dos Ventos, Rui Barbosa, Ielmo Marinho, Santa Maria, Jandaíra, Santo Antônio, Jardim de Angicos, São José do Campestre, João Câmara, São Paulo do Potengi, Lagoa D’anta, São Pedro, Lagoa de Velhos, Senador Elói de Souza, Lagoa Salgada, Serra Caiada, Lajes, Serra de São Bento, Monte das Gameleiras, Serrinha, Nova Cruz, Sítio Novo, Parazinho, Tangará e Passa e Fica.

Guarda Municipal de Natal comemora aniversário com a “Corrida da Paz Sangue Azul Marinho”; corrida pretende chamar atenção da sociedade para a paz social

A Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) vai comemorar o aniversário de 26 anos da Guarda Municipal do Natal (GMN) com um ato pela paz na cidade. A “I Corrida da Paz Sangue Azul Marinho – CGA Freitas” vai acontecer no dia 04 de junho, com concentração a partir das 7h, na sede do Comando Geral da GMN, situado na Avenida Itapetinga, zona Norte da capital.

O evento tem o propósito de integrar as instituições de segurança pública, forças armadas e a sociedade em geral, fortalecendo a cultura de paz e a responsabilidade de cada um com a segurança social. A corrida contará com um percurso de 4km pela avenida Itapetinga e a participação das pessoas vai ocorrer de maneira gratuita. “O que solicitamos é que todos os atletas participantes compareçam com camisetas brancas simbolizando a paz”, comunicou o coordenador do Núcleo de Apoio ao Servidor da Guarda Municipal do Natal (Nasgam), Alexandre Melo.

Os atletas que desejarem participar da corrida devem entrar em contato com a equipe organizadora do evento pelo número de whatsapp (84) 98837-0140. As orientações e procedimentos de inscrição e participação na “I Corrida da Paz Sangue Azul Marinho – CGA Freitas” serão repassados pela coordenação do evento.

Na ocasião, também será realizada uma homenagem ao chefe de grupo de ação da GMN, CGA Freitas, que neste ano foi assassinado covardemente por bandidos enquanto prestava serviço numa base de segurança comunitária pertencente a Guarda Municipal, na zona Norte de Natal.

 

GMN

A Guarda Municipal do Natal é uma corporação uniformizada e armada, a qual cabe a vigilância dos bens, serviços e instalações municipais e a colaboração com a segurança pública e preservação do patrimônio público, histórico e ambiental, foi criada pela Lei Municipal nº 4.000 de 04 de Junho de 1991. Este ano a corporação completa 26 anos de prestação de serviço de segurança pública direcionado ao cidadão natalense. Atualmente a GMN conta com um efetivo aproximado de 450 guardas municipais distribuídos nos vários grupamentos operacionais e no apoio administrativo.

MPF lança concurso de estágio para alunos de Direito

Inscrições são gratuitas e começam na próxima segunda-feira. Os candidatos concorrerão em Natal, Mossoró, Assu e Caicó

 

O Ministério Público Federal (MPF) lançou concurso de estágio para alunos de Direito, destinado a preencher cadastro de reserva para as procuradorias da República em Natal, Mossoró, Assu e Caicó. O período de inscrições vai de 5 a 14 de junho e, para participar, o estudante deve estar matriculado em uma das instituições conveniadas (ver lista abaixo) e não concluir a graduação este ano.

Para inscrever-se, o candidato deve preencher o formulário que será disponibilizado no site do MPF/RN (http://www.mpf.mp.br/rn/estagie-conosco/concursos-de-estagio/2017/processo-seletivo-para-estagiarios-de-direito-da-pr-rn-prms-assu-caico-e-mossoro-2017) e ir à sede de uma das procuradorias nos dias úteis, entre 5 e 14 de junho, no horário das 11h às 16h, com carteira de identidade e CPF (originais e cópias); declaração de matrícula; e histórico escolar (detalhado e atualizado). Caso pretenda concorrer às vagas para pessoa com deficiência ou minorias étnico-raciais, deve levar, respectivamente, o laudo médico ou a declaração específica (anexada no edital).

O conteúdo das provas e outros detalhes sobre as inscrições podem ser consultados no edital e todas as informações sobre o processo serão publicados no site do MPF/RN. O concurso prevê a realização de prova objetiva e discursiva, ambas marcadas para 23 de julho, das 9h às 13h. A prova objetiva terá 40 questões de conhecimentos específicos em Direito, valendo 0,25 ponto cada questão correta. Serão eliminados aqueles que não obtiverem nota total igual ou superior a 5,0.

Somente terão as provas discursivas corrigidas os candidatos que, na prova objetiva, obtenham classificação até a 110ª posição (para Natal), 15ª (Assu), 20ª (Mossoró) e 15ª (Caicó). A discursiva consistirá na “elaboração de dissertação, análise e interpretação e/ou elaboração de peça ou texto jurídico”, valendo de 0 a 10 pontos. A classificação final será estabelecida atribuindo-se peso 1 à prova objetiva e 2 à discursiva.

A aprovação não gera o direito à contratação do estagiário, que poderá ser ou não realizada, a critério da Procuradoria da República. Os aprovados e convocados irão estagiar 20 horas por semana, recebendo uma bolsa mensal de R$ 850, além de auxílio-transporte de R$ 7,00 por dia estagiado.

 

Instituições de ensino conveniadas

Centro Universitário do Rio Grande do Norte – Uni-RN;

Centro Universitário Facex – UniFacex;

Faculdade Estácio de Natal – FAL;

Faculdade Evolução do Alto Oeste Potiguar – FACEP;

Faculdade Mater Christi – FMC;

Faculdade Maurício de Nassau de Natal – FMN

Faculdade Natalense de Ensino e Cultura – FANEC;

Faculdade Integrada de Patos – FIP;

Instituto de Ensino Superior do Rio Grande do Norte – IES-RN;

Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – UERN;

Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN;

Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA;

Universidade Federal de Campina Grande – UFCG;

Universidade Potiguar – UnP.

 

Locais para inscrição

-Natal – Procuradoria da República no Rio Grande do Norte (84 3232-3995)

Av. Deodoro da Fonseca, 743 – Tirol

-Assu – Procuradoria da República no Município de Assu (84 3331-7256)

Rua Sinhazinha Wanderley, 912 – Centro

-Caicó – Procuradoria da República no Município de Caicó (84 3417-2050)

Rua Zeco Diniz, S/N – Penedo

-Mossoró – Procuradoria da República no Município de Mossoró (84 3312-0487)

Av. Jorge Coelho de Andrade, 960 – Bairro Costa e Silva

 

Mutirão em defesa do Rio Pitimbu abre as atividades da semana do Meio Ambiente em Natal

O Dia Mundial do Meio Ambiente é só no dia 5 de junho, mas aqui em Natal as atividades ligadas à temática começaram na manhã deste sábado (03) com a realização do Mutirão de Preservação SOS Rio Pitimbu, nas margens do manancial, no bairro Pitimbu. Na oportunidade, após a realização de um ato ecumênico os participantes do Mutirão fizeram um abraço simbólico ao rio e na sequência, foram plantadas 100 mudas de espécies nativas da região.

A iniciativa foi coordenada pela secretaria municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) em parceria com a Igreja Católica, IDEMA, IGARN, CIPAM, Guarda Ambiental, Comitê de Preservação do Rio Pitimbu, Semurb de Parnamirim e Horto Municipal.

A secretária municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, Virgínia Ferreira, acompanhou a ação ambiental e destacou que a Prefeitura do Natal vem realizando fiscalizações periódicas na área para evitar a degradação do manancial que é um dos mais importantes da cidade.

Ela agradeceu a parceria das entidades envolvidas e conclamou a todos a ficarem em permanente vigilância para proteger o Rio Pitimbu: “Este rio abastece 30% da nossa cidade. São 280 mil pessoas consumindo as águas do Pitimbu. Sua importância é imensa e todos nós devemos nos conscientizar disso. Estamos aqui para mostrar que a Prefeitura é sensível a esta causa e vai fazer o que for preciso para ajudar na preservação do rio“.

Leonardo Almeida, diretor do Departamento de Fiscalização da Semurb, disse que foram plantadas mudas de Pau-Brasil, Ingá, Ipê Amarelo e Paineira. Ele falou ainda que durante uma operação realizada na região a equipe do órgão já chegou a retirar 1 tonelada de lixo em um trecho de apenas 300 metros do rio. Para ele, isso comprova que é preciso uma ação permanente voltada a educação ambiental da população, sob pena da degradação do local aumentar ainda mais: “A realidade do Rio Pitimbu não é satisfatória. Os órgãos ambientais executam as suas tarefas, mas infelizmente as pessoas insistem em poluir, retiram a vegetação das margens e fazem ligações clandestinas de esgoto em suas casas. Isso vai matando o rio aos poucos. Temos que nos unir“.

Nilson Bento e Naiara Dantas são moradores da região e acompanharam a inciativa. Eles sabem da necessidade de um maior cuidado com o rio Pitimbu e classificaram a ação como necessária e fundamental. Para o casal, é preciso não só pensar nas gerações futuras, mas essencialmente na atual que já enfrenta graves problemas ambientais em virtude da ação predatória do homem: “Essa é uma iniciativa espetacular e todos devem se envolver“, asseverou Nilson.

Este evento está inserido na programação da Semana do Meio Ambienta organizada pela Prefeitura do Natal. A abertura oficial da semana acontece segunda-feira (05), às 9h, no Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte.

Semana Nacional da Aprendizagem ocorre de 12 a 16 de junho em todo o país

Abertura será realizada no Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil e o objetivo é conscientizar empresas para contratação de aprendizes

 

A 2ª Semana Nacional da Aprendizagem, que tem como objetivo conscientizar empresas sobre a importância da contratação de jovens e adolescentes e o cumprimento da legislação trabalhista, ocorrerá de 12 a 16 de junho em vários estados brasileiros. A data de abertura, 12 de junho, é o Dia Mundial de Combate ao Trabalho Infantil.

O Ministério do Trabalho iniciará, paralelamente à semana, uma campanha nacional para conscientizar a sociedade acerca da importância da luta pela erradicação do trabalho infantil e para incentivar as empresas a admitirem aprendizes como forma de proporcionar a inclusão social, por meio do primeiro emprego para os mais jovens e da contribuição para a formação dos futuros profissionais do país.

Durante o Fórum Nacional de Aprendizagem, ocorrido no mês passado, em Brasília, o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, assinou portaria regulamentando o Decreto 8740/2016, que trata da contratação de aprendizes, permitindo que as empresas de setores insalubres possam cumprir as cotas de aprendizagem. “A ideia é aprimorarmos cada vez mais o que já existe em termos de legislação para alcançarmos um número maior de aprendizes”, afirmou o ministro no Fórum.

Antes do decreto, as empresas que possuíam setores insalubres tinham dificuldade para cumprir as cotas de aprendizagem devido à proibição de que menores de 18 anos exerçam atividades ou ocupações que os comprometam física e mentalmente. O decreto permite, por exemplo, que jovens sejam contratados por essas empresas e exerçam a parte prática na entidade formadora ou instituição concedente.

Inserção – Números do Ministério do Trabalho demonstram que 403 mil adolescentes foram inseridos por meio de programas de aprendizagem em 2015. Desse total, mais de 50% que concluíram o contrato permanecem na empresa.

Dados da Pesquisa Nacional de Amostra por Domicílio (PNAD) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) relativos 2015 mostram que cerca de 2,6 milhões de crianças e adolescentes estão em situação irregular de trabalho no país, dos quais 2 milhões se encontram na faixa dos 14 aos 17 anos. Em 2014, esse número alcançava 3 milhões de crianças e adolescentes, com 2,7 milhões deles na faixa de 15 a 17 anos.

“Os dados demonstram os efeitos positivos da política de combate ao trabalho infantil implementada pelos órgãos comprometidos com a erradicação dessa prática ilegal. Não é possível toleramos que nossos jovens continuem sendo explorados. A conscientização das empresas na inserção desse público no mercado de trabalho, por meio da aprendizagem, tem sido imprescindível para a redução de jovens explorados”, defende o secretário de Inspeção do Trabalho-substituto do Ministério do Trabalho João Paulo Ferreira Machado.

Segundo a responsável nacional pelo Projeto de Inserção de Aprendizes no Mercado de Trabalho, auditora-fiscal do Trabalho Taís Arruti Lyrio Lisboa, a partir de 12 de junho serão realizados workshops e audiências públicas em vários estados brasileiros para a divulgação da iniciativa, inclusive com ações locais de inserção de jovens no período da campanha.

A semana de estímulo à aprendizagem é uma parceria do Ministério do Trabalho, Conselho Superior da Justiça do Trabalho, Tribunal Superior do Trabalho e Ministério Público do Trabalho.

O que diz a Lei da Aprendizagem – No Brasil, o trabalho é totalmente proibido antes dos 16 anos, salvo na condição de aprendiz, a partir dos 14 anos. A aprendizagem profissional combina educação e qualificação no trabalho, permitindo que os jovens tenham garantias trabalhistas, segurança e remuneração justa, sendo responsável pelo afastamento dos jovens do trabalho infantil. A Lei da Aprendizagem (Lei 10.097/2000), regulamentada pelo Decreto 5.598/2005, estabelece que as empresas de médio e grande porte devem contratar um número de aprendizes equivalente ao um percentual que pode variar de 5% a 15% do quadro de trabalhadores e cujas funções demandem formação profissional. Apesar de a obrigatoriedade ser específica para empresas maiores, qualquer organização pode contratar aprendizes, desde que seja respeitada a legislação. Podem participar da aprendizagem jovens e adolescentes de 14 a 24 anos incompletos que concluíram ou estão cursando o ensino fundamental ou médio. A lei estabelece ainda que a contratação deve ter um prazo determinado de até dois anos e o aprendiz não pode deixar os estudos em função, uma vez que é exigida no contrato a manutenção da educação formal, além da técnico-profissional.

 

Serviço:

2ª Semana Nacional da Aprendizagem

Data: 12 a 16 de junho

Local: Evento ocorre em todos os estados

Prefeitura de Parnamirim conclui iluminação do Viaduto de Emaús

A Prefeitura de Parnamirim, através da Secretaria de Serviços Urbanos (SEMSUR), concluiu a iluminação do túnel do Viaduto de Emaús, liberado nesta sexta-feira. O serviço foi possível através da parceria entre a prefeitura e o Governo do Estado.

No túnel foram instalados 12 refletores de LED com 100W e nas laterais dois braços de luminárias metálicas, totalizando quatro lâmpadas especiais de 400W.

O secretário da SEMSUR, Valério Santiago, explicou que “as lâmpadas de LED possuem maior vida útil e a luminosidade é superior as lâmpadas comuns”, explicou.

“Decidi firmar esta parceria com o DNIT e assumir a iluminação do viaduto, mesmo não sendo responsabilidade da Prefeitura de Parnamirim por entender a necessidade de garantir maior segurança aos moradores do bairro que precisam atravessar a BR“, afirmou o prefeito Rosano Taveira.

A construção deste viaduto é a realização de uma reivindicação de mais de 10 anos que irá melhorar a vida dos parnamirinenses.

 

Viaduto

O viaduto de Emaús, localizado na BR-101, liga Parnamirim a Natal, segmento que registra maior tráfego no estado, com 95 mil veículos por dia. O viaduto eliminou um importante ponto crítico da rodovia, melhorando as condições de tráfego e segurança de quem viaja e reduzir o tempo da viagem.

Antes da construção do viaduto, o tráfego era realizado, apenas pelas vias principais, com o ordenamento do fluxo por semáforos, o que gerava grandes congestionamentos. A obra, iniciada em novembro de 2016, foi supervisionada pelo DNIT e teve investimento de R$ 6,9 milhões.

Orçamento Participativo de Natal atrai delegação russa

Foto Alex Regis

A experiência exitosa do Orçamento Participativo implementado pela prefeitura de Natal chamou a atenção do Banco Mundial e da Prática Global em Proteção Social, em Washington (EUA), como também do Local Initiatives Support Program (LISP), do Banco Mundial, que instituíram uma delegação para vir conhecer in loco o trabalho desenvolvido pela Prefeitura do Natal, coordenado Secretaria Municipal de Planejamento (Sempla), em parceria com a população de Natal.

Na manhã desta sexta-feira (2), o prefeito Carlos Eduardo recebeu no Salão Nobre do Palácio Felipe Camarão, a delegação russa que veio conhecer novas experiências de participação popular na gestão municipal. Na oportunidade, o prefeito e sua equipe gestora apresentaram experiências de participação popular, como o Plano Plurianual Participativo e o Projeto Cidades Inteligentes e Humanas.

Foto Alex Regis

O grupo formado por integrantes do Banco Mundial e da Prática Global em Proteção Social, em Washington, tendo à frente o coordenador do Local Initiatives Support Program (LISP), do Banco Mundial, na Rússia, Ivan Evgenevich, visitou na quinta-feira (1°) comunidades que tiveram projetos viabilizados por meio da participação da população no Orçamento Participativo de Natal, objetivando buscar experiências de participação popular que deram certo.

“Esse encontro é extremamente promissor. A troca de experiências é bastante exitosa para a cidade de Natal”, disse o prefeito Carlos Eduardo. Na reunião, ele assinalou que o Brasil é, ainda, um país sem tradição democrática, e o principal problema gerado pela ditadura foi o desmantelamento da sociedade civil organizada. “Nós estamos enfrentando várias crises, e a democracia é o caminho para continuarmos construindo um país melhor. Em Natal, o desafio é trazer o cidadão para discutir a cidade e escolher as suas prioridades”, observou.

O chefe do executivo municipal disse ainda que o Orçamento Participativo é uma experiência de extrema importância para Natal, e que a prefeitura envida todos os esforços para que a cidade participe, por meio da população que elege delegados para discutir o Orçamento: “Essa relação é que vai dar soluções consistentes para os nossos problemas. Quero dizer que o Orçamento Participativo e o Cidades Inteligentes e Humanas são projetos a que estamos dedicados. O nosso orçamento é voltado para a camada da população mais carente. E nós queremos estabelecer parcerias com a Rússia”.

Para a secretária municipal de Planejamento, Glenda Dantas, o Orçamento Participativo é um esforço conjunto da Sempla em parceria com diversas secretarias do município. “O nosso trabalho tem o objetivo de estreitar os laços entre o Estado e a população”, disse.

De acordo com a diretora do departamento de Planejamento de Participação Popular, Fátima Abrantes, o Orçamento Participativo de Natal é uma metodologia que a gestão utiliza desde 2005, possibilitando que a população delibere sobre uma parcela da receita tributária. A população se aproxima da gestão, se sente corresponsável pela mesma e diz quais as prioridades para sua região e para o seu bairro.

Segundo Fátima, todo e qualquer morador pode participar do Orçamento Participativo. Eles escolhem três temáticas prioritárias por região. O critério maior é a participação. Os recursos são destinados à região que mais participa. A partir do momento que a população delibera é consolidado um plano de investimento que é encaminhado à Câmara Municipal para que a Lei Orçamentária Anual (LOA) seja apreciada.

Aprovada a LOA, os delegados são escolhidos durante as plenárias do Orçamento Participativo, e passam a acompanhar a execução do que foi deliberado, dependendo da viabilidade técnica e orçamentária de cada secretaria. Eles passam a ter contato continuo com a secretaria no sentido de acompanhar a execução daquela ação que foi votada pela população.

“Então, por ser uma metodologia simples, onde o único critério é a participação popular, o Orçamento Participativo é viável em todo e qualquer município, independente do porte. O Banco Mundial está fazendo o intercâmbio Rússia-Brasil, com escritório em Brasília e em Washington, com alguns municípios no mundo. Natal foi escolhida aqui no Brasil e recebe essa delegação para visitar os locais onde os recursos do Orçamento Participativo foram investidos” explicou Fátima Abrantes.

Na ocasião, gestores da Sempla fizeram uma explanação aos visitantes sobre o Orçamento Participativo, sua aplicação e funcionalidade, e também a respeito do Natal Human Smart City.