Blog editado a partir de Natal/RN - Brasil.

Publicidade
Instagram
Twitter
Publicidade
Buscar
Calendário
junho 2017
S T Q Q S S D
« maio    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  
Publicidade
Publicidade

Archive for junho 5th, 2017

PARNAMIRIM – Inscrição para casamento comunitário segue até o dia 16

A Secretaria de Assistência Social está com inscrições abertas para o casamento comunitário que deverá ocorrer no dia 4 de julho, às 18 horas, na Cohabinal. As inscrições prosseguem até o dia 16.

Até o momento já se inscreveram 124 casais. Ao todo, são 200 vagas.

Conheça abaixo a relação dos documentos necessários para participar do casamento comunitário.

 

DOCUMENTOS:

Para noivos solteiros e maiores de 18 anos

-Registro de Nascimento original Identidade RG – original e cópia

-Comprovantes de residências do casal

-Duas testemunhas conhecidas do casal com identidade

Para noivos solteiros maiores de 16 anos e menores de 18 anos

-Certidões de nascimento, RG, CPF ou CNH Cópia do RG Cópia e originais dos comprovantes de residência do casal

-Duas testemunhas maiores de 18 anos, portando documentos de RG, CPF ou CNH (Os pais do menor devem estar presentes portando o RG e CPF)

-Trazer informações sobre a data de nascimento ou falecimento e o local do nascimento dos pais dos noivos

Para noivos solteiros menores de 16 anos

-Neste caso é obrigatória a autorização judicial para o casamento

Para noivos divorciados

-Cópia da sentença do divórcio e cópia da petição inicial do processo do divórcio que indique se houve partilha dos bens do primeiro casamento ou que não possuíam bens a partilhar/ se o divórcio for extrajudicial, trazer cópia da escritura do divórcio Cópia e original da identidade do casal

-Cópia e original do comprovante de residência do casal

-2 testemunhas conhecidas para vir junto com o casal – trazendo identidade

 

SERVIÇO:

SEMAS – Rua Aspirante Santos, nº 396

Fone: 3644-8401.

Mais de 1,8 milhão de trabalhadores ainda não sacaram Abono Salarial de 2015

Prazo termina no próximo dia 30 de junho. Consulta de valores disponíveis pode ser feita no site do Ministério do Trabalho

O prazo para o saque do Abono Salarial Ano-Base 2015 termina no próximo dia 30 de junho e até esta segunda-feira (5) mais de 1,8 milhão de trabalhadores ainda não retiraram o benefício. O número representa 7,58% dos 24,2 milhões de pessoas com direito ao saque e equivale a R$ 1,2 bilhão que ainda não foram retirados. “Quem tem direito ao saque tem que ficar atento para não perder o prazo, porque os recursos não ficam acumulados de um ano para o outro”, alerta o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira. “E esse é mais um recurso que ajuda a impulsionar a economia do país, beneficiando principalmente os trabalhadores mais humildes.

Os trabalhadores podem fazer a consulta para saber se têm recursos disponíveis em uma nova página de serviço criada no site do Ministério do Trabalho (www.mte.gov.br ). Basta acessar a opção Abono Salarial e na sequência clicar em Consulta Abono Salarial. Na página, deve-se informar o número de CPF ou do PIS e a data de nascimento.

O Abono Salarial 2015 está sendo pago a quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano-base e teve remuneração média de até dois salários mínimos. Para retirar o dinheiro, o trabalhador deve estar inscrito no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos e a empresa deve ter informado seus dados corretamente na Relação Anual de Informação Social (RAIS).

 

Onde retirar – O benefício está disponível na Caixa e no Banco do Brasil. A Caixa paga os trabalhadores da iniciativa privada, vinculados ao PIS. Quem tem o Cartão do Cidadão e registrou senha pode retirar o benefício em caixas eletrônicos e casas lotéricas. Quem ainda não tem o cartão deve se dirigir a uma agência da Caixa. O Banco do Brasil paga os servidores públicos, vinculados ao PASEP.

Se o trabalhador atende aos critérios, mas seu nome não consta entre os que podem fazer o saque, ele deve verificar se o crédito foi feito diretamente na conta. Se ainda tiver dúvidas, poderá ligar para o número 158, ou se dirigir aos Postos da Superintendência Regional do Trabalho, além das agências da Caixa e do Banco do Brasil.

Os pagamentos do Abono Salarial Ano-Base 2015 variam de R$ 78 a R$ 937. No total, já foram liberados R$ 15,7 bilhões.

 

Proporcional – A Divisão do Seguro-Desemprego e Abono Salarial do Ministério do Trabalho esclarece que, a partir deste ano-base, o abono passou a ser pago proporcionalmente aos meses trabalhados. Ou seja, quem trabalhou durante todo o ano de 2015 tem direito a um salário mínimo (R$ 937,00).

Já quem trabalhou apenas um mês receberá o equivalente a 1/12 do salário mínimo, e assim sucessivamente. A fração igual ou superior a 15 dias de trabalho será contada como mês integral.

O recurso do Abono Salarial vem do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que é mantido pela contribuição de empregadores e gerido pelo Conselho Deliberativo do FAT (Codefat), órgão colegiado composto por representantes de trabalhadores, empregadores e governo. Ele se destina exclusivamente ao pagamento do Seguro-Desemprego e do Abono Salarial.

 

ABONO SALARIAL ANO-BASE 2015

CRITÉRIOS

– Ter cadastro há 5 anos ou mais no Programa PIS ou Pasep;

– Deve ter sido empregado com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano de 2015, consecutivos ou não;

– Receberam até 2 (dois) salários mínimos médios de remuneração mensal no período trabalhado

– A empresa precisa ter entregue a Relação Anual de Informação Social (Rais) ao Ministério do Trabalho.

– A consulta de quem tem valores disponíveis pode ser feita em uma nova página de serviço, no site do Ministério do Trabalho (www.trabalho.gov.br). Basta informar o CPF ou PIS e a data de nascimento.

Cosern comemora Semana do Meio Ambiente com exposição de “realidade aumentada” sobre universo da energia elétrica

De 05 a 09 de junho é comemorada a semana do Meio Ambiente. Para marcar a data, a Cosern abre nesta segunda-feira (5) hoje no shopping Via Direta, em Natal, uma exposição gratuita sobre o universo da energia elétrica utilizando um recurso tecnológico virtual pouco difundido no Brasil: o da realidade aumentada (conheça mais detalhes no vídeo e nas fotos em anexo). A ação é organizada pelo Programa de Eficiência Energética da distribuidora, regulado pela ANEEL.

Trata-se de um grande painel eletrônico que mostra o caminho percorrido pela energia elétrica desde sua geração, nas usinas hidrelétricas, até nossas residências, que será instalado num dos corredores do Via Direta e poderá ser “explorado” com auxílio de tablets customizados que funcionam como lupas para guiar os visitantes. Essas “lupas”, por sua vez, possuem um software que transforma as ilustrações do painel em realidade aumentada.

Apesar de muito difundida no exterior, a tecnologia da realidade aumentada ainda é pouco conhecida no Brasil. Por isso, a exposição promovida pela Cosern será uma oportunidade única para os potiguares interagirem com a novidade e aprenderem mais sobre o uso seguro e eficiente de energia elétrica.

No total, o painel eletrônico exibe 41 itens interativos que, ao serem consultados, “saltam” da tela com movimento em 3D e apresentam a cena, com auxílio de uma locução. Além dos “Caminhos da Energia”, o visitante vai poder aprender mais sobre “Eficiência Energética” e receber uma série de dicas de segurança com energia elétrica para pôr em prática em casa e nas ruas.

O aplicativo utilizado nos tablets da exposição da Cosern no Via Direta tem uma versão para download compatível com o sistema operacional Androide, o ue vai permitir que visitantes interajam também com a exposição em seus próprios celulares.

Além disso, os consumidores residenciais que forem a exposição, munidos da última conta de energia e levarem lâmpadas incandescentes ou Halógenas de no mínimo 40 Watts e atenderem aos critérios do programa, vão poder realizar a troca dos modelos ineficientes por lâmpadas de LED.

 

Critérios para troca de Lâmpadas Incandescentes ou Halógenas por LED:

-Ser cliente residencial da Cosern;

-Cada titular da conta de energia, limitado a uma unidade consumidora, poderá trocar até 05 (cinco) lâmpadas incandescentes ou Halógenas de no mínimo 40W por um modelo LED com selo PROCEL;

 

Documentos Necessários:

-Conta de energia original do último mês;

-Documentos pessoais (RG e CPF).

 

Serviço

Exposição “Caminhos da Energia em Realidade Aumentada” da Cosern na Semana do Meio Ambiente.

De 05 a 09 de maio, no Shopping Via Direta, em Natal

Das 9h às 21h.

Entrada: gratuita

Prefeitura do Natal inaugura Centro de Produção de Mudas

Foto Alex Regis

Foto Alex Regis

No lançamento da Semana do Meio Ambiente “O Futuro se Planta Agora“, o prefeito Carlos Eduardo acompanhado da equipe da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) inaugurou o Centro de Produção e Plantio de Mudas da Mata Atlântica, no Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte. O projeto foi idealizado há dois anos e pretende recuperar áreas degradadas do parque com 25 mil mudas. Na ocasião, 15 mudas foram plantadas

O Centro de Produção possui uma área de 150 hectares que tem a importância de conservar os recursos naturais. A equipe técnica do Parque Municipal da Cidade do Natal Dom Nivaldo Monte transformou o local onde restavam as instalações do seu antigo canteiro de obras em um espaço favorável à implantação e operação de um viveiro de mudas.

Antes da inauguração, o prefeito Carlos Eduardo percorreu o Centro de Produção, onde conferiu todas as salas de apoio e, ainda, plantou uma muda de Pau-brasil. Ele destacou a preocupação da Prefeitura com o meio ambiente. “O centro obedece a um plano de arborização da nossa gestão. Vamos plantar mais de 25 mil mudas de árvores nos próximos quatro anos nas quatro regiões administrativas da cidade é mais 25 mil só no Parque da Cidade“, reforçou Carlos Eduardo.

Os equipamentos (viveiro de mudas, salas de apoio, vias delimitadas e áreas irrigadas) abrangem uma área de aproximadamente 500m² e foram elaborados dentro de uma proposta sustentável, com a utilização de metodologias simplificadas de construção, sendo grande parte da matéria-prima destinada à sua estrutura proveniente de doações, contrapartidas, apreensões legais, além do reuso de materiais disponíveis no Parque, como troncos de carnaúba e sobras diversas do canteiro de obras original.

“Esta é uma realização de grande alcance socioambiental que resultou em “custo zero” para a Prefeitura do Natal, que obteve uma economia de aproximadamente R$ 200.000,00 para os cofres públicos contando com doações e parcerias”, falou o gestor do Parque da Cidade, Carlos da Hora.

A secretária da Secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb), Virginia Ferreira, afirmou que o parque está aumentando a área de preservação e que o Centro vai recuperar áreas degradas. “Momento importante para a cidade, vamos plantar 25 mil mudas, é o nosso projeto, deixar Natal mais arborizada“.

Semana do Meio Ambiente em Natal é oficialmente aberta pelo prefeito Carlos Eduardo

Foto Alex Regis

A Semana do Meio Ambiente em Natal foi aberta oficialmente pelo Prefeito Carlos Eduardo, nessa segunda-feira (5), dia internacional do Meio Ambiente. O evento reuniu ambientalistas, secretários municipais, artistas, representantes da sociedade civil organizada, alunos de escolas municipais e a comunidade em geral, no Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte.

O primeiro ponto da extensa programação agendada para a semana, que tem o tema “O Futuro se Planta Agora“, foi a inauguração do Centro de Produção de Mudas da Mata Atlântica, que passa a funcionar no antigo canteiro de obras do Parque da Cidade, com plantio de mudas pelos Amigos do Parque. O prefeito desenlaçou a fita inaugural e ficou à par do funcionamento do local.

Com o novo equipamento, a expectativa é que haja uma produção de mais de 6.300 mudas a cada 12 meses, além da criação de um espaço destinado ao desenvolvimento de pesquisas científicas e ações de educação ambiental.

Foto Alex Regis

Em seguida, no auditório do Parque, foi realizada a apresentação do Grupo UFRN/CELLOS, da Escola de Música, com a entrega do Certificado Amigos do Parque. Carlos Eduardo ainda anunciou o início do processo de revisão do Plano Diretor da capital potiguar e o início dos trabalhos da UrbanLab, que pretende revitalizar o bairro da Ribeira, com projetos elaborados por acadêmicos da UFRN.

“Hoje é um dia especial, uma data universal, mas Natal dá seu exemplo ao planejar o plantio de 25 mil mudas no Parque da Cidade, além de estar já realizando o plantio de 20 mil mudas nas quatro regiões da capital“, revelou Carlos Eduardo.

O prefeito ainda relembrou toda a luta para a construção do Parque, o desafio de conseguir a assinatura do arquiteto Oscar Niemeyer no projeto e todo trabalho para conclusão e depois reabertura do local.

Carlos Eduardo festejou a ampliação da área de proteção ambiental que começou com 60 hectares, passou para 136 hectares e que agora atinge a marca de 150 hectares. “Estamos aqui construindo o futuro da nossa cidade“, lembrou.

A cerimônia da abertura da Semana do Meio Ambiente também foi a oportunidade para que a Prefeitura anunciasse o início do processo para a revisão do Plano Diretor de Natal. “Iniciar o processo de revisão do Plano Diretor nesta data tão importante também nos deixa feliz, vez que estamos garantindo que Natal cresça com qualidade de vida“, explicou o prefeito.

A secretária da Semurb, Virgínia Ferreira, após puxar o coro de “parabéns para você” em homenagem ao dia do Meio Ambiente e ao aniversário do prefeito reforçou a importância do processo de revisão do Plano Diretor da cidade. “Será um processo democrático que começará com uma reunião entre representantes do Ministério Público e dos diversos Conselhos da cidade e que também contará com uma audiência pública para aprovação da metodologia e discussão dos passos para a participação popular”, disse.

A cerimônia ainda contou com a entrega do Certificado de “Amigo do Parque“. Receberam o título, das mãos do prefeito: o professor Daladier da Cunha Lima (UNI/RN), o escritor Eugênio Rangel, o coordenador do UFRN CELLOS – Fábio Presgrave, as professoras Judite (ciências climáticas) e Bernadete (música), ambas da UFRN, o geógrafo Ronille dos Santos e o maestro Eduardo Neto.