Blog editado a partir de Natal/RN - Brasil.

Publicidade
Instagram
Twitter
Publicidade
Buscar
Calendário
setembro 2017
S T Q Q S S D
« ago    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Audiência Pública proposta por Kleber Fernandes debaterá simplificação burocrática e rumos da Vigilância Sanitária

Audiência Pública proposta por Kleber Fernandes debaterá simplificação burocrática e rumos da Vigilância Sanitária

 

O vereador Kleber Fernandes (PDT) promove nesta terça-feira (08/08), na Câmara Municipal de Natal (CMN), uma Audiência Pública para discutir uma série de pleitos da classe empresarial natalense com relação aos aspectos burocráticos envolvendo a liberação do funcionamento dos estabelecimentos comerciais, por parte da Vigilância Sanitária.

Abordando o tema “Vigilância Sanitária: simplificando com segurança”, o encontro começará às 9h e contará com a participação de empresários, representantes de várias instituições do comércio, servidores públicos, membros da sociedade civil organizada e um enviado da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), para também engrandecer o debate em torno dos rumos e do papel/atuação da Vigilância Sanitária na capital potiguar.

Kleber explica que o foco principal da audiência é “abrir uma ampla discussão em busca de alternativas eficazes para a simplificação dos processos burocráticos utilizados pelo órgão de vigilância, porém sem abrir mão da segurança e da qualidade dos serviços prestados ao consumidor final, que é nossa principal preocupação”, justificou o pedetista.

Kleber afirma também que “é necessário encontrar um meio termo satisfatório que atenda ao empresariado, que pleiteia a diminuição da demora na liberação dos alvarás de funcionamento, mas sem deixar de levar em consideração as limitações enfrentadas pelo órgão no âmbito da falta de recursos humanos e dificuldades financeiras. Iremos ouvir todos, esclarecer o público, pontuar as mudanças necessárias e mensurar quais delas são possíveis de implementar a curto, longo e médio prazos”, encerrou o vereador.

 

Deixe o seu Comentário!