Pacientes com feridas crônicas têm tratamento diferenciado em Parnamirim

Os pacientes com feridas crônicas têm assistência diferenciada em Parnamirim. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesad) implantou há quatro anos um tratamento ambulatorial com acompanhamento semanal para 350 portadores de úlceras crônicas e do pé diabético do município. O atendimento é de forma humanizada e especializada.

Enfermeiro especializado em feridas crônicas, Ubirani Tavares conta que o programa é pioneiro no estado e Parnamirim oferece um tratamento de ponta. “Nós contamos com uma estrutura diferenciada, com atendimento exclusivo, exames apurados, dia específico de acompanhamento, tecnologias avançadas, suporte nutricional e medicação gratuita”, destaca o profissional.

Foto AscomOs pacientes passam pelas Unidades de Saúde antes de serem encaminhados para o ambulatório de feridas crônicas. Eles são acompanhados semanalmente na Central de Diagnóstico, numa média de 20 por atendimento. Além dos 350 pacientes de feridas crônicas, o programa conta com mais 540 pacientes acamados no município.

Nesta terça-feira (14) a Sesad vai promover o lançamento do Manual de Assistência a pacientes com feridas crônicas, na UNP, no bairro de Santos Reis, às 8h.

 

Programa

O Programa de Assistência a Pacientes com feridas crônicas foi instituído pela Sesad para atender todos os pacientes, portadores de úlceras crônicas e do pé diabético de uma forma humanizada e especializada, coordenando políticas, diretrizes, projetos e ações para promoção da saúde da pele, prevenindo, recuperando lesões e reabilitando a forma e as funções da mesma.

 

Serviço:

Ambulatório de Feridas Crônicas

Central de Diagnóstico

Rua Comandante Peti – Centro

Fone: 3644 8194/8193

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *