Mulheres tentam manter ópera e balé vivos no Irã

Foto Agência EFE / Marina Villén

Apesar de só poderem atuar para plateias femininas e enfrentarem incontáveis restrições, um grupo de mulheres cantoras e bailarinas do Irã não se rende e permanece na luta para manter a arte da ópera viva na antiga Pérsia.

Desde a Revolução Islâmica, em 1979, mulheres são proibidas de cantar e dançar em público na frente de homens e uma série de códigos morais que representam flagrantes limitações à arte e às mulheres no país foram impostos.

(Agência EFE)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *