FLIPIPA homenageia Ticiano Duarte com vídeo de sua mesa literária sobre Djalma Maranhão

O Festival Literário da Pipa (FLIPIPA) vai homenagear o jornalista e escritor Ticiano Duarte, falecido na madrugada de sábado passado (8), com a edição e divulgação do vídeo da primeira mesa literária da qual o jornalista participou ao lado de Woden Madruga e Willington Germano, abordando o centenário do ex-prefeito Djalma Maranhão, de quem Ticiano foi amigo e auxiliar. A missa de 7º Dia de Ticiano Duarte acontece hoje (14), às 19h, na Catedral Metropolitana.

Flipipa_TicianoAo mesmo tempo em que o FLIPIPA se solidariza com familiares e amigos, anuncia que a gravação da mesa de debates que Ticiano Duarte participou também foi registrada na íntegra pela produção da Inter Tv Cabugi para ser editada e exibida. Nos próximos dias ela estará disponível tanto nas redes sociais quanto no site www.flipipa.org.

“É apenas um gesto de carinho com nosso grande amigo e parceiro do FLIPIPA Ticiano Duarte. Vamos disponibilizar todo o conteúdo desta mesa. Ticiano participou dos debates literários deste ano sempre trazendo grandes conhecimentos de sua longa trajetória como jornalista e suas experiências no mundo político e da literatura. Já tinha participado no ano passado e era um defensor e entusiasta do projeto”, relembra Candinha Bezerra, Secretária Executiva do FLIPIPA.

Ticiano Duarte, no ponto mais emotivo da palestra, encerrou o debate declamando o único poema que Djalma Maranhão escreveu no seu exílio no Uruguai detalhando a saudade de sua terra Natal.

 

Evocação a Natal

“Não te esquecerei, Natal!/Os olhos do sol transpondo as dunas,/Iluminando a cidade/ Que dormiu embalada/Pelo sussurro das águas do Potengi. (…)

A revolução liberal de 1930,/ Meu batismo nas lutas sociais./ Fanfarras agitando, agitando,/ Muitos discursos, poucos tiros/ A voz do fogo dos seus tribunos,/ Ontem, contra o colonialismo,/ Hoje frente ao imperialismo./ Não te esquecerei, Natal!”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *