Secretaria das Mulheres de Natal realiza capacitação de equipe multidisciplinar para trabalhar em projetos

12 de fevereiro de 2019

A Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (SEMUL) iniciou no dia 4 de fevereiro a capacitação da equipe multidisciplinar dos projetos Mulheres da Paz e Protejo. A capacitação segue até o dia 15 de fevereiro. Entre os temas abordados na programação estão “Direitos Humanos: gênero, raça/etnia, geração e classe”, “Família: antigos e novos arranjos familiares”, “Cidadania: direitos e deveres, participação, protagonismo e mudança”, “Direitos femininos”, além de outros ligados à autoestima, construção de projetos de vida, combate às drogas e educação para a paz.

A equipe multidisciplinar, formada por quatro profissionais (assistente social, pedagoga, advogado e psicólogo) que irão atuar nos projetos, foi selecionada pela empresa (LCF Serviços), que ganhou a licitação para trabalhar com mulheres e jovens de ambos os sexos, moradores do bairro de Nossa Senhora da Apresentação, na Zona Norte de Natal. Até o final desta semana, será divulgado o Edital com informações necessárias a participação dos projetos: atribuições e atividades dos participantes, documentos necessários, exigências do processo seletivo, critérios de classificação, requisitos exigidos e locais de inscrição, entre outras informações. O início das atividades está previsto para o dia 1º de abril, no Ginásio Nélio Dias.

Mulheres da Paz e Protejo

O Projeto Mulheres da Paz visa capacitar 75 (setenta e cinco) mulheres atuantes na comunidade para que sejam mediadoras sociais, a fim de valorizar as práticas políticas e socioculturais desenvolvidas por e para elas. Tem também a incumbência de fortalecer redes de prevenção à violência doméstica e familiar e o enfrentamento às violências que compõem a realidade local envolvendo jovens e mulheres.

O projeto Protejo vai selecionar e acompanhar 100 (cem) jovens entre 15 e 24 anos em situação de risco ou vulnerabilidade familiar e social, egressos do sistema prisional ou cumprindo medidas socioeducativas. O objetivo é despertar no jovem suas potencialidades, aprimorar conhecimentos e habilidades, oportunizar acesso a tecnologias, apresentar alternativas para o seu crescimento social e pessoal, a partir de atividades que buscam resgatar a sua autoestima, além da convivência não violenta e solidária.

O bairro de Nossa Senhora da Apresentação detém altos índices de violência, por isso, foi escolhido para a implantação dos projetos, que contam com o apoio do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (PRONASCI), do Ministério da Justiça.

Sobre a SEMUL

A Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres tem, entre outras atribuições, propor, apoiar e desenvolver políticas públicas voltadas para a promoção social, cultural, profissional, econômica e política da mulher no âmbito do município, de forma articulada com órgãos e instituições afins, independente da classe, raça, etnia, orientação sexual e religião. É ainda papel da Secretaria da Mulher, desenvolver ações de prevenção e combate a todas as formas de violação dos direitos e de discriminação contra as mulheres, com ênfase nos programas e projetos de atenção à mulher em situação de violência.

No Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *